Grandes mudanças

Imagino que já tenha lido diversos temas de como mudar e ter um ano de 2020 fantástico. Eu simplesmente me encanto com a mudança de Dezembro para Janeiro, por conhecer a capacidade de imaginação de ferramentas mágicas para mudar tudo de uma vez.

Certa vez ouvi uma definição de fim e início de ano fantástica. A pessoa dizia: “Desejo que no próximo ano você conquiste tudo o que fez por merecer. Lembre-se que, assim como a mudança interior, o que separa esse mês do ano novo é apenas 1 segundo…”.

A mudança de um ano para outro, assim como nossa mudança, é apenas um segundo! Isso é de um impacto assustador por simplesmente ser verdade. O que separa nossa lamúria do dia que decidimos mudar e sermos diferentes é apenas o segundo da decisão e neste momento materializamos tudo o que acumulamos de aprendizados e desejos em uma força crucial de mudança e começamos a agir. Não quero dizer que mudamos em 1 segundo, mas sim que nosso momento de decisão ocorre neste pequeno tempo como resultado de diversos minutos e horas passados. Essa é a hora que você se encara frente no espelho e diz: “Chega!”.

Esse mesmo segundo é o que separa um dia do outro, um mês de outro e obviamente um ano do outro. Por mais mágico que possa parecer o encerramento de um ciclo e início de uma nova fase, se o segundo da decisão de ser diferente não estourar em sua mente… o novo ano será como todos os outros anteriores.

As promessas do que faremos nestes próximos 12 meses podem ser extremamente confortáveis como grande massageadores de nosso ego. As conquistas que agora serão alcançadas, mesmo aquelas que se repetem por ciclos de novos janeiros e nem são percebidas, serão apenas mais uma lista de coisas não alcançadas e, pouco a pouco, agentes de frustração interna.

Talvez você se questione: “OK, mas o que fazer? Como faço para alcançar esse simples segundo de mudança que preciso?”. Quem vier com essa resposta a você como receitas e simpatias de começo de ano… não acredite. Você é a melhor pessoa para falar o que não está de acordo, o que te incomoda, o que deseja mudar. Provavelmente uma ajuda para encontrar o que está escondido em você pode ser necessária, mas lembre-se que, mesmo assim, a resposta está em você.

Quero dividir um exercício que pode te ajudar a chegar ao segundo da decisão de mudança. Divida uma simples folha de sulfite ao meio formando duas colunas. Na primeira escreva tudo o que você deseja mudar, tudo aquilo que te incomoda. Faça isso em um local que possa se conectar consigo mesmo e lembre-se que, se te incomoda é porque provavelmente você não pertence mais àquele lugar. 

Na segunda coluna escreva qual o preço que está disposto a pagar. Qual o esforço que dependa unicamente de você e qual força interior está disposto a fazer? Esse é o preço a pagar! Elimine todas as histórias que contamos para nos confortar sobre o porquê não podemos mudar, e leia novamente a segunda coluna.

Como nos exercícios que fazíamos durante nossa alfabetização, ligue os temas correlacionados entre as duas colunas. Coloque quais as mudanças da primeira coluna estão relacionadas ao preço que está disposto a pagar. Algumas mudanças não estão ligadas ao que estamos dispostos a fazer – segunda coluna -, e está tudo bem! Essas mudanças, apesar de as desejarmos, ainda não estão no seu momento de acontecer, então as guarde com cuidado para um momento futuro. Para todas as mudanças que encontraram o seu preço que está disposto, escreva uma ação que fará neste mês para se aproximar do que deseja. Repita isso nos próximos doze meses. 

Esse exercício pode gerar algum desconforto, mas se realizado com sinceridade irá realmente traçar os caminhos adequados e os quais você está disposto a pagar o preço pelo que deseja. Ah, não se esqueça de dividir comigo sua reflexão desse exercício!

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s