ENTENDA O QUE SIGNIFICA TER UMA REDE BANAL

Frequentemente surge uma nova rede que vira uma nova febre com “novas” vantagens e maravilhas. Todas as redes no inicio tiveram um crescimento exponencial, e repletas novas oportunidades. Estamos vendo o mesmo com o Clubhouse.

Provavelmente temos três grupos de usuários ativos em qualquer rede.

O primeiro grupo é o que simplesmente consome, e podem passar de minutos a horas assistindo, lendo e agora ouvindo conteúdos.

O segundo é o que segue a tendência, e leva o conteúdo (se expondo ou sendo relevante) adaptado a cada rede.

O terceiro é quem gera e promove as novas tendências.

Daniel Goleman, em “O Poder da Inteligência Emocional: Primal Leadership”, 2% das pessoas produzem mudança, 13% apoiam a mudança e 85% seguem o rebanho. O mesmo comportamento ocorre dentro do virtual como no mundo real.

Quando começa ocorrer banalização de conteúdo em uma rede, e então surge outra como promessa… isso tem mais relação com quem usa do que com a rede. Independente se essa é uma rede de amigos da vida real, ou um novo meio de relacionamento social.

Essa semana ouvi: “Não é sobre exposição, isso eu não quero, mas sim me posicionar”.

Em sua rede, seu foco é consumir, se expor ou gerar relevância? Quer tirar a prova? Olhe o seu feed, se tiver banal você consome e gera banalidade.